Arquivo da Categoria ‘Magia Negra’

Homem que realizava rituais de Vodu decapita amigo com cordas de guitarra nos EUA

Quinta-feira, 3 de Abril de 2014

Portal Terra / The Mirror - 03/04/2014


[Foto: AP]

Um homem é acusado de ter decapitado o amigo, usando cordas de uma guitarra e guardado sua cabeça em uma sacola, no condado de Osage, em Illinois, nos Estados Unidos.

Os restos mortais da vítima, James Gerety, de 48 anos, foram encontrados a cerca de 28 quilômetros de sua casa, em março de 2012, um ano após o anúncio de seu desaparecimento.

A namorada do pai do acusado estava colhendo cogumelos, quando tropeçou em uma parte do crânio de Gerety.

A ex-namorada do acusado falou que James Paul Harris confessou a ela que tinha matado o amigo. Ele detalhou a ela que atirou no estômago de Gerety e então o torturou por dois dias usando as cordas de uma guitarra como garrote para decapitá-lo.

A moça relatou ainda que Harris realizava rituais de vodun (vudu) e teria guardado a cabeça de Gerety para poder conversar com o amigo.

Harris, que irá a julgamento em junho, nega o crime.

Com informações do Mirror.

* Fonte:
http://noticias.terra.com.br/mundo/estados-unidos/homem-decapita-amigo-com-cordas-de-guitarra-nos-eua,3267667387725410VgnVCM10000098cceb0aRCRD.html

Jovem teria sido morta em ritual de magia negra por causa de colar

Quinta-feira, 13 de Fevereiro de 2014

Portal Terra - 10/02/2014

A delegada Cristiana Angelini, da delegacia de Homicídios de Venda Nova, na região norte de Belo Horizonte, comentou nesta segunda-feira as circunstâncias da morte de uma adolescente de 17 anos no último dia 31 de outubro, dia das Bruxas nos Estados Unidos, mas que também é lembrado em alguns eventos no Brasil.

Segundo a delegada, Camilla Souza foi morta em um ritual de magia negra por três homens que segundo a policial, não concordaram com o fato da jovem “arrancar do pescoço uma guia (colar) que ela havia recebido durante o ritual de candomblé”, explicou. Os suspeitos, Raony Dias Miranda, Kliver Marlei Alves dos Santos e Warley dos Reis Valentin da Silva, foram presos na sexta-feira e apresentados à imprensa na manhã desta segunda-feira no Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de BH.

“Os três estavam com a vítima nesse ritual na casa de familiares do Raony e ela foi escolhida para receber esse colar. Só que ela não aceitou e arrancou a guia do pescoço. Isso significou para eles um rompimento do pacto com a entidade e por isso eles decidiram sacrificá-la. O Warley foi quem a segurou pelo pescoço com uma gravata enquanto o Kliver e o Raony a esfaquearam no pescoço. Eles deixaram a cabeça apenas sustentada pela coluna e em seguida beberam o sangue para fechar o corpo, para se protegerem e para ficar com o espírito mais forte,” explicou a delegada.

Os suspeitos foram descobertos a partir de depoimentos de testemunhas que ouviram os gritos da jovem no momento em que ela era assassinada: “Como a gritaria chamou a atenção, eles ligaram um som no volume máximo para abafar. Depois arrastaram o corpo do segundo andar do imóvel até a rua, onde o abandonaram. A perícia verificou que no local havia pouco sangue, e depois que entraram na casa puderam atestar que o crime foi cometido dentro do imóvel,” continuou a delegada.

“A gente acredita que foi um crime premeditado porque familiares da vítima disseram que uma semana antes alguém ligou para a casa dela e disse que era o Lúcifer, o Satanás, e que algo ruim aconteceria com a família. Uma semana após a morte dela, o Raony, que é pai de santo, foi visto com uma mulher, os dois vestidos de branco, jogando farofa na casa da Camilla, como que num ritual para agradecer pelo sacrifício,” explicou.

Os suspeitos confirmaram os rituais na casa, mas negaram o crime e durante a apresentação à imprensa, debocharam dos jornalistas e dos investigadores. Sorrindo, Raony chegou a dizer que em breve estará solto, mostrando despreocupação: “Devo, vou cumprir (a pena) e rapidinho tô na rua”, disse. O amigo dele, Kliver, revelou que frequentava a casa da família de Raony para acompanhar “os trabalhos para Exú”, mas disse que não participou da morte da jovem. Com um sorriso irônico, por pelo menos duas vezes fechou um gesto de tchau para as câmeras.

Raony Dias Miranda, Kliver Marlei Alves dos Santos e Warley dos Reis Valentin da Silva foram indiciados por homicídio triplamente qualificado: “Pelo meio cruel que empregaram no crime, por terem impossibilitado a defesa da vítima e pelo motivo torpe”, concluiu Cristiana.

* Fonte:
http://noticias.terra.com.br/brasil/policia/jovem-teria-sido-morta-em-ritual-de-magia-negra-por-causa-de-colar,53c6234c94c14410VgnVCM20000099cceb0aRCRD.html

Trio é preso suspeito de matar mulher em magia negra no RN

Terça-feira, 21 de Maio de 2013

G1 - 21/05/2013

Três homens foram presos na tarde desta terça-feira (21) suspeitos de participação na morte de uma mulher durante ritual de magia negra na zona Norte de Natal. A informação foi confirmada pelo titular da Delegacia de Capturas do Rio Grande do Norte(Decap), Ben-Hur Cirino de Medeiros. A vítima, a comerciante Edilma Dantas, 41 anos, estava desaparecida desde o dia 1º de abril.

O corpo de Edilma foi encontrado enterrado em uma casa no loteamento Jardim Progresso. No local, ainda segundo o delegado, funcionava um terreiro onde seriam realizados os rituais. O delegado Ben-Hur Cirino de Medeiros informou que antes de matar a mulher por asfixia, os suspeitos a embriagaram e a amarraram. Depois, ainda derramaram sangue de bode no corpo da vítima. Um dos suspeitos confessou o crime ao ser preso e apontou a participação de mais duas pessoas.

Ben-Hur disse que a vítima teria saído da casa da mãe, no bairro Nordeste, na zona Oeste da cidade, para se encontrar com um conhecido da família e depois não deu mais notícias. Em 3 de abril, o desaparecimento foi comunicado à Delegacia de Capturas, que desde então iniciou as investigações. “O irmão dela comunicou que a vítima foi levada por um conhecido até uma casa que funcionava como terreiro, com o objetivo de fazer um ‘trabalho’ para aproximar uma pessoa dela”, detalha Ben-Hur Cirino.

De acordo com o delegado, ao chegar na casa, os suspeitos deram bebida à vítima e a amarraram em seguida. “Então tiraram a roupa de Edilma, mataram o animal, jogaram o sangue por cima dela e a estrangularam até a morte”, conta o titular da Decap. O corpo foi enterrado no quintal da casa de um dos suspeitos.

Após a informação do desaparecimento, suspeito conhecido de Edilma foi intimado e prestou pelo menos quatro depoimentos na delegacia. “A partir de alguns detalhes descobrimos a participação dele no ritual em que mataram Edilma”, explica o delegado.

Um mandado de prisão temporária foi expedido e o suspeito foi detido. Além de confessar o crime, ele apontou a participação de outros dois homens. “O suspeito nos informou que o ‘bruxo’  queria uma mulher solteira e sem filhos para realizar o ritual. Edilma se encaixava no perfil”, explica Ben-Hur Cirino. O delegado pediu mais dois mandados de prisão temporária e de busca e apreensão.

Os outros dois suspeitos foram presos nesta terça-feira (21) antes de o corpo de Edilma ser encontrado e desenterrado pela polícia.

* Fonte:
http://g1.globo.com/rn/rio-grande-do-norte/noticia/2013/05/trio-e-preso-suspeito-de-matar-mulher-em-magia-negra-no-rn-diz-policia.html

Magia Negra: corpo de menino desaparecido em Pernambuco é encontrado decapitado

Quarta-feira, 11 de Julho de 2012

Portal Terra - 11/07/2012

A Polícia Civil em Santa Cruz do Capibaribe, no agreste pernambucano, investiga a morte de um menino de 9 anos que estava desaparecido e teve seu corpo encontrado separado da cabeça com sinais de violência sexual e indícios de prática de magia negra, na tarde da terça-feira. O delegado Antônio Dutra já ouviu a pessoa que localizou o corpo, um tio do menino e o padrasto. Ainda falta ouvir a mãe do garoto, Luzinete Amara da Silva.

Flânio da Silva Macedo estava desaparecido desde o dia 1º de julho, quando saiu de casa para trabalhar fazendo entregas na feira. As primeiras informações que a polícia levantou apontavam que o menino foi visto trabalhando no sítio Olho d’Água, na zona rural do município vizinho de Brejo da Madre de Deus, onde o corpo foi encontrado depois.

A criança estava com o dorso dobrado, mãos e pés amarrados e a cabeça a 1 m de distância do corpo. Em volta da cena do crime, havia velas, ossos, bonecos e garrafas de bebidas alcoólicas. O delegado Antônio Dutra trabalha com mais de uma linha de investigação, mas, segundo ele, os elementos apontam para uma única direção. “Acreditamos na ligação do crime com rituais de magia negra”, disse.

O corpo da criança estava em decomposição e foi reconhecido pelo padrasto pelas roupas que Flânio usava ao sair de casa. O cadáver foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife.

* Fonte:
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5891206-EI5030,00.html

Suspeita de canibalismo vendia empadas com carne humana em PE

Sexta-feira, 13 de Abril de 2012

Portal Terra - 13/04/2012

Três pessoas são suspeitas de homicídio e prática de canibalismo na cidade de Garanhuns, a 230 km de Pernambuco. Segundo a Polícia Civil do Estado, que revelou o crime nesta sexta-feira, 13, uma das mulheres ainda vendia salgados com restos de carne humana, dos corpos das vítimas. Eles seriam praticantes de uma seita e manteriam um triângulo amoroso. Os três são suspeitos pela morte de pelo menos três mulheres.

Jorge Beltrão Negromonte da Silveira, 51 anos, era casado com Isabel Cristina Pires da Silveira, 51 anos, mas também vivia com a ex-mulher Bruna Cristina Oliveira da Silva, 25 anos. Conforme o comissário de polícia da cidade, João Bosco Andrade, os suspeitos eram membros de um grupo chamado Cartel, se dizem anticapitalistas e procuravam mulheres para diminuir a quantidade de pessoas no mundo.

O contato com as vítimas era feito por meio de uma oferta de emprego. A Polícia Civil chegou até os assassinos depois do desaparecimento de Giselly Helena da Silva, conhecida como Geisi dos Panfletos. Ela teria recebido uma proposta para ser babá de uma menina que o trio alegava ser sua filha. Quando chegou à casa dos assassinos, foi executada por Jorge, que é faixa preta em karatê.

A polícia descobriu que o cartão de crédito de Geisa foi utilizado pelo menos quatro vezes após o seu desaparecimento. Com ajuda de uma câmera de segurança de um dos estabelecimentos onde as compras foram feitas, começou a procura pelos suspeitos.

Isabel, que vendia os salgados, confessou os crimes. Ela mostrou à polícia onde estavam enterradas as ossadas de duas pessoas, e também explicou que era Jorge quem esquartejava as vítimas. “Eles comiam as vísceras das vítimas, como o fígado e o coração, que era para purificar a alma”, revelou o comissário Andrade. “E quando faltava ingrediente para as empadas, eles usavam os restos da carne das vítimas”. Por vítima, eles chegavam a tirar de oito a 10 kg de carne.

A menina de 5 anos também era obrigada a comer carne humana. Segundo a polícia, ela seria filha de Jéssica Camila da Silva Pereira, outra mulher assassinada pelo trio. Na casa dos suspeitos a polícia encontrou um diário da seita, que indica que os assassinos ainda planejavam executar mais duas pessoas até o ano que vem.

Eles serão indiciados, entre outros crimes, por homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Os corpos estão agora no Instituto Médico Legal (IML) para o reconhecimento das famílias.

* Fonte:
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5717671-EI5030,00.html

Grupo de bruxas mira Tebow, mas intercessores cristãos reagem

Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2012

Charisma / Julio Severo - 15/01/2012

tebow_www_tabernaculonet_com_br.jpg
Jogador de futebol americano Tim Tebow

Um coven de bruxas se uniu para lançar um feitiço, na esperança de encerrar a sequência de vitórias miraculosas do jogador Tim Tebow em favor de seu time Denver Broncos.

Lorelei e Lori Bruno, duas bruxas de Massachusetts, realizaram uma sessão espírita ao meio-dia da sexta-feira 13 na Esquina do Esconderijo do Corvo, na cidade de Salem, Massachusetts. A meta delas: garantir que o time New England Patriots derrote Tebow e seu time Denver Broncos.

“Vou levantar a energia do universo e enviar todos os encantamentos”, Lorelei disse para o jornal Boston Herald. “Lori invocará os anjos”.

As bruxas afirmam que não estão fazendo bruxaria contra Tebow, mas confessaram que querem fazer um altar com um boneco de Tom Brady, zagueiro do New England Patriots [para ajudá-lo a vencer Tebow]. Uma bruxa da localidade teria costurado o boneco, que ficará no altar ao lado das bolsas cheias de ervas e pedras para ajudar todos os jogadores do New England Patriots.

bruxos_contra_tebow_www_tabernaculonet_com_br.jpg
Bruxas Lorelei e Lori invocando “espíritos”

“Tom Brady verá o que ele precisa ver, estará onde ele precisa estar e conduzirá o New England Patriots a outra vitória”, Lorelei disse ao Boston Herald.

Entretanto, os cristãos não estão se curvando a essa bruxaria. Kim Daniels, fundadora dos Ministérios Palavra Falada, uma igreja multirracial de periferia de cidade, e vereadora da cidade de Jacksonville, Flórida, está organizando intercessores para orar às 17h e meia-noite, horários que as bruxas chamam de “a hora das bruxas” e que Kim chama de “a hora do Espírito Santo”.

“O governo de Deus está se manifestando e expondo a escuridão. Vamos ter muitos montes Carmelos onde nos defrontaremos com o diabo, e ele não vai ficar com a glória”, disse Kim.

“Exatamente como cremos em Jesus, há pessoas que acreditam no diabo. Essa é uma chamada para a igreja despertar. O mal existe e em qualquer lugar em que a luz, haverá choque com as trevas. No estádio de futebol é hora de Tebow. Mas na esfera espiritual é hora de Jesus. Tebow pertence a Jesus”.

* Fonte:
http://juliosevero.blogspot.com/2012/01/grupo-de-bruxas-mira-tebow-mas.html

* Tradução: Julio Severo.

* Fonte original:
http://charismanews.com/us/32652-witches-coven-targets-tebow-intercessors-answer-back

Mulher é brutalmente morta em suposto ritual de magia negra em sexta-feira 13

Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2012

G1 - 15/01/2012

pedra_da_macumba_01_www_tabernaculonet_com_br.jpg
[Imagem 1]

A polícia acredita que a mulher de 54 anos encontrada morta neste sábado (14) em Mairiporã, na Grande São Paulo, tenha sido vítima de um crime relacionado à magia negra. Geralda Lúcia Ferraz Guabiraba foi localizada na altura do km 8 da Estrada de Santa Inês com o rosto desfigurado, sem os olhos e a pele da face. Para a delegada titular de Mairiporã, Cláudia Patrícia Dalvia, o local onde o corpo foi encontrado, conhecido como Pedra da Macumba, tem relatos de outros crimes de magia negra, o que contribui para a hipótese.

“Ela era uma dona de casa católica, pacata, bem tranquila”, definiu a delegada. Neste domingo (15), a polícia irá até a casa da vítima, em Lauzane Paulista, na Zona Norte de São Paulo, para recolher documentos, o celular e o computador usados por Geralda. A delegada também vai analisar as imagens de segurança do prédio. “Enquanto a família não trouxer informações que ajudem a polícia, fica difícil desvendar o crime”, disse Cláudia.

Segundo ela, o carro da vítima já foi periciado. No interior do veículo foram encontrados um copo de alumínio e uma garrafa plástica. Nos dois recipientes havia uma substância branca que será analisada. A polícia, entretanto, acredita que isso tenha sido usado para sedar a vítima.

Ainda segundo a polícia, ela foi morta do lado de fora do carro. O corpo foi encontrado após uma denúncia feita pelo telefone 190. Do lado do cadáver estavam três cestas de vime vazias. O corpo tinha um corte profundo no pescoço. Um pedaço de vidro foi encontrado no local, mas a polícia ainda não sabe se ele foi usado para ferir Geralda. A vítima usava um escapulário – objeto religioso usado por católicos.

Segundo a delegada, não havia sinais de luta ou violência no corpo. A delegada considerou o crime como brutal, e será investigado como homicídio duplamente qualificado – uso de crueldade e impossibilidade de resistência da vítima.

mairipora_01_www_tabernaculonet_com_br.jpg
[Imagem 2]

Comportamento estranho

Em depoimento informal à polícia, o marido e o genro de Geralda afirmaram que ela estava depressiva nos últimos tempos, falava muito sobre a morte, apresentava um comportamento estranho e passou a usar muito a internet . Ela não estava tomando remédios antidepressivos.

Segundo os familiares, Geralda não costumava sair de casa no momento em que foi vista deixando o prédio – entre 23h e 23h30 de sexta-feira (13). O porteiro informou à polícia que ela saiu de carro vestindo pijama. Entretanto, o corpo foi encontrado com outra roupa. A vítima não levou nem documentos nem celular.

O marido de Geralda tomava medicamento para dormir e, por isso, não viu a esposa sair de casa. Ele deverá prestar depoimento quando tiver condições, segundo a delegada, já que está muito abalado.

O corpo foi levado na noite deste sábado para o Cemitério Parque da Cantareira, na Zona Norte da capital, onde era velado neste domingo. O enterro foi marcado para as 10h.

pedra_da_macumba_02_www_tabernaculonet_com_br.jpg
[Imagem 3]

pedra_da_macumba_03_www_tabernaculonet_com_br.jpg
[Imagem 4]

pedra_da_macumba_04_www_tabernaculonet_com_br.jpg
[Imagem 5]

* Fonte:
http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2012/01/policia-analisara-computador-de-mulher-achada-morta-na-grande-sp.html

* Fonte das imagens 3, 4 e 5: vídeo da TV Bandeirantes, divulgado no Portal Terra.

* Vídeo:
http://terratv.terra.com.br/Noticias/Brasil/4194-397391/Veja-mulher-que-teve-pele-do-rosto-e-olhos-arrancados.htm

* Colaboração: R. B. (nome preservado), via email.

Lady Gaga é acusada de participar de ritual satânico em hotel

Quinta-feira, 5 de Janeiro de 2012

Truthquake.com - 23/09/2011

Resolvi traduzir a matéria da fonte original porque percebi que os sites e agências de notícias do Brasil omitiram e adicionaram informações. Repare que a notícia foi divulgada no exterior em setembro, e só chegou por aqui agora, 4 meses depois. Veja abaixo a matéria do site que entrou em contato diretamente com funcionários do hotel onde Lady Gaga teria feito ritual satânico:

Por Robert Kern, do Truthquake.com

Uma camareira do hotel Intercontinental de Londres relatou no domingo [25/09/2011] que Lady Gaga, durante uma estadia no último verão [verão de 2011 no hemisfério norte] deixou uma grande quantidade de sangue na banheira da suite que a princesa pop ocupou em Julho.

Ela relatou o incidente ao concierge [gerente], Andrea Miller, na mesma hora e foi aconselhada a esquecer o assunto. O nome da camareira está sendo mantido em sigilo pela Scotland Yard para sua proteção. Se o incidente foi um ritual satânico ou não, é desconhecido. Miller confirmou o incidente do sangue no hotel com Lady Gaga ao Truthquake.com por email.

Foi também notado por nosso repórter que na hora do incidente Lady Gaga encontrou com líderes da Maçonaria do Rito Escocês, que é uma organização conhecida por ser uma ligação entre os Illuminati e membros da família real britânica.

Um relatório oficial do Escritório de Polícia de Londres (Scotland Yard) foi usado neste artigo.

* Fonte:
http://truthquake.com/2011/09/26/lady-gaga-bathes-human-blood-meets-freemasons-london-concierge-exclusive-report/

* Tradução: Gustavo Guerrear, editor do Tabernaculonet.

* Observação: Apesar do incidente ter ocorrido em julho, foi divulgado somente em setembro porque foi quando os repórteres do site criador da matéria conseguiram as informações, tanto com os funcionários quanto através do relatório da Scotland Yard.

* Comentários: Repare que nenhum site brasileiro comentou sobre o encontro de Lady Gaga com membros da Maçonaria. Certamente muitos donos de empresas de mídia são maçons.

* Colaboração: R. B. (nome preservado), via email. Obrigado!

Jovem queima criança para exorcizar Lucifer em Goiás

Terça-feira, 5 de Abril de 2011

Portal Terra - 05/04/2011

Um adolescente de 12 anos teria colocado fogo em uma menina de 5 anos por volta das 18h de segunda-feira (04/04/2011) no povoado de Bezerra, região de Formosa, em Goiás (divisa com o Distrito Federal). Segundo a Polícia Militar (PM), um suposto exorcismo era realizado na casa por uma família que acreditaria que Lúcifer estivesse presente.

Testemunhas disseram à polícia que o adolescente é considerado médium na região. No ritual, foi usada uma bacia com álcool e fogo, que teria causado queimaduras nos braços, pernas e abdome da criança, que ainda poderia ter sido empurrada em sua direção. No local, além dos dois menores, estavam presentes a mãe da vítima, tios e avós maternos, que estariam todos incorporados.

A vítima foi levada para receber atendimento em um posto de atendimento da região e aguarda transferência para um hospital em Brasília. O caso é investigado pela Delegacia da Criança e do Adolescente.

* Fonte:
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5048402-EI5030,00.html